10 novembro 2005

...

Eis que começa a amar. Descobertas umas poucas verdades e mentiras da vida, ele chega. E vem sempre mais que o pleno, por primeiro que é. Já que sem parâmetros, ele é ele. E por sê-lo, aí então, a dúvida: Ele é o que é? Ele é o que parece ser a quem está olhando para ele de frente? Se não for, será depois sabido como não sendo, ou apenas menor o sê-lo, quando comparado aos outros que então futuro?
Você seria capaz de saber como se começa a amar alguém?
Em que momento, em que fase, em que frase? Saberia?
Eu não sei.
E se eu amasse sem saber?
E se eu não soubesse como amar?
Alguma muda resposta? Coração só bate coração. Não mais, não menos, apenas apenas. E apenas é pouco? Não, apenas é único;
"...De tão errado que é isso tudo, o errado não existe mais. Agora tudo é certo..."

No meio de tudo, o corte:

E a profecia cumpre-se? Feliz no jogo, infeliz no amor. Infeliz no amor? Não. Impossível não felicidade o conhecer ao que foi, como jogo, feito em quatro mãos. Construir no caos o que dure. E é assim que seria. Rasgadas todas as gramáticas, ainda assim apenas futuro do pretérito. Nem hoje, nunca amanhã, e ainda assim não ontem.
Não sonho a felicidade dos deuses. O muito menos deles seria o bastante aos que somos todos. Mas nem face dela foi dada mostra a quem quis vê-la. Nem em antes. Nem em depois.
Silêncio...
E quanto mais ele, menos o par, só o ímpar.
Assim, sem maiores dores aos olhos que não vêem telas, mas que enxergarão finais, eis o esperado. Aos olhos que de outros, o final. O que em noites outras foi falado, mas que nunca conseguido, hoje assim é feito for força de mãos que não as quatro que jogavam o jogo.
Serão então as quatro mãos exemplo de fraqueza? Não. Serão as quatro mãos sentido de cuidado. De querer bem, antes de qualquer outro querer, mesmo que apenas ao longe.
Esse é o maior querer. E esse é o que dura, mesmo construído em caos.

2 Comments:

Blogger hijodeangeles said...

Salud colega y vecino.
No creo que sea posible amar sin saber, porque amar incluye sufrir, y para sostener ese dolor hace falta un sentido.
Si no es conciente de esa entrega, uno puede querer, pero no amar.
(Humilde opinion)
Abrazo fraterno

9:00 AM  
Anonymous Anônimo said...

"as reticencias sao os tres primeiros passos de um pensamento que continua por conta propria o seu caminho"

t.a.
t.a.
sempre, muito, eternamente..t.a.
lembre-se disso, seja feliz

"alguns choram pq nas rosas existem espinhos e outros riem pq nos espinhos existem rosas"
aproveite as rosas q ainda vão surgir em sua vida e lembre-se: vc ainda tem MUITO o que viver

10:07 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

<body><!-- para tirar a barra chata --><div id="b-navbar"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-logo" title="Go to Blogger.com"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/4/logobar.gif" alt="Blogger" width="80" height="24" /></a><form id="b-search" action="http://www.google.com/search"><div id="b-more"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-getorpost"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/4/btn_getblog.gif" alt="Get your own blog" width="112" height="15" /></a><a href="http://www.blogger.com/redirect/next_blog.pyra?navBar=true" id="b-next"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/4/btn_nextblog.gif" alt="Next blog" width="72" height="15" /></a></div><div id="b-this"><input type="text" id="b-query" name="q" /><input type="hidden" name="ie" value="ISO-8859-1" /><input type="hidden" name="sitesearch" value="abobradiario.blogspot.com" /><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/4/btn_search.gif" alt="Search" value="Search" id="b-searchbtn" title="Search this blog with Google" /><a href="javascript:BlogThis();" id="b-blogthis">BlogThis!</a></div></form></div><script type="text/javascript"><!-- function BlogThis() {Q='';x=document;y=window;if(x.selection) {Q=x.selection.createRange().text;} else if (y.getSelection) { Q=y.getSelection();} else if (x.getSelection) { Q=x.getSelection();}popw = y.open('http://www.blogger.com/blog_this.pyra?t=' + escape(Q) + '&u=' + escape(location.href) + '&n=' + escape(document.title),'bloggerForm','scrollbars=no,width=475,height=300,top=175,left=75,status=yes,resizable=yes');void(0);} --></script><div id="space-for-ie"></div>